Ciência Gera Conhecimento - [ Conheça ]

Página inicial > Membros > Acadêmicos > Alexander Wilhelm Armin Kellner


Alexander Wilhelm Armin Kellner (KELLNER, A.W.A.)

Ciências da Terra
Membro Titular
Ingresso em 5 de mar de 1997
Currículo
Link para a plataforma Lattes
E-mail

Nascido no Principado de Liechtenstein, Alexander Kellner  naturalizou-se brasileiro e começou a vida científica em 1982, enquanto ainda estava na graduação. Graduou-se em geologia (1985) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e concluiu dois mestrados: o primeiro em geologia (1991) pela UFRJ e o segundo em geociências – paleontologia (1994), obtido na Universidade de Columbia, nos Estados Unidos. Também na Universidade de Columbia, obteve o título de Doutor em geologia – paleontologia (1996) e, entre 1996 e 1997, realizou estágio de pós-doutoramento no 9° Distrito do Departamento Nacional da Produção Mineral (9/DNPM), localizado no Rio de Janeiro. Desenvolve linhas de pesquisa com répteis fósseis, sobretudo pterossauros, dinossauros e crocodilomorfos. Entre as principais descobertas está o dinossauro Santanaraptor (1999) com músculos e vasos sanguíneos fossilizados, o pterossauro Thalassodromeus (2002), base para estudos sobre a fisiologia, e uma nova teoria sobre a competição entre aves primitivas e pterossauros (1994, 2005). Descreveu mais de 65 espécies novas, tendo estudado material dos mais diversos pontos do planeta. Dentre homenagens e prêmios recebidos, destacam-se: Prêmio Cientista do Nosso Estado (1999, 2003, 2007, 2009, 2012, 2015), concedido pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj); Prêmio TWAS (2010), na categoria de Ciências da Terra, concedido pela Academia Mundial de Ciências (TWAS, na sigla em inglês); Comenda da Ordem Nacional do Mérito Científico (2010), concedida pela Presidência da República; nomeação de três espécies fósseis em sua homenagem: Cratodactylus kellneri, Kellnerius jamacaruensis e Maaradactylus kellneri. Possui mais de 880 publicações dentre livros, artigos, resumos e editoriais. Contribui fortemente para a divulgação científica da paleontologia para o público leigo através de entrevista, organização de exposições e documentários. Além da ABC, o Acadêmico também possui associações com a Academia Mundial de Ciências (TWAS, na sigla em inglês), a Sociedade Brasileira de Geologia (SBG), a Sociedade Brasileira de Paleontologia (SBP), a Sociedade de Paleontologia de Vertebrados (SVP, na sigla em inglês), a Sociedade Paleontológica de Nova Iorque (NYPS, na sigla em inglês), a Sociedade Paleontológica do Chile (SPACH, na sigla em espanhol), o Museu Americano de História Natural (AMNH, na sigla em inglês), o Instituto de Paleontologia e Paleoantropologia de Vertebrados da China (IVPP, na sigla em inglês) e com a Associação Americana para o Avanço da Ciência (AAAS, na sigla em inglês). Sobre seu trabalho como paleontólogo, Kellner afirma que “esses mundos do passado que envolviam vários organismos são fantásticos. É entusiasmante estudar essas evidências da diversificação da vida no nosso planeta. ”




webTexto é um sistema online da Calepino