Português > Atuação > Internacional > Academia de Ciências para o Mundo em Desenvolvimento (TWAS)


Academia de Ciências para o Mundo em Desenvolvimento (TWAS)

Criada em 1983, por Abdus Salam, paquistanês laureado com o Prêmio Nobel em Física, com o nome de Academia de Ciências do Terceiro Mundo (TWAS, na sigla em inglês), teve entre seus fundadores eminentes pesquisadores brasileiros.

Atualmente denominada Academia de Ciências para o Mundo em Desenvolvimento, é uma das mais importantes organizações associadas à Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco), cuja missão é a de promover o desenvolvimento de CT&I nos países em desenvolvimento, reunido em seus quadros os melhores cientistas desses países - Índia, Brasil, China, África do Sul, entre outros.

Com a eleição do presidente da ABC, Jacob Palis , para a Presidência da TWAS, em 2007, e sua reeleição em 2010 a Academia passou a sediar o Escritório da Presidência da TWAS. Essa eleição demandou a ampliação da infraestrutura de apoio às atividades internacionais da Academia e possibilitou aumentar ainda mais a representatividade da comunidade científica brasileira no cenário internacional.

Em 2012, o presidente da ABC passou ao presidente da Academia Chinesa de Ciências, Bai Chunli, a presidência da TWAS. Saiba mais.

Escritório Regional da TWAS para América Latina e Caribe (TWAS-ROLAC)

A criação do Escritório Regional da TWAS para a América Latina e Caribe (TWAS-ROLAC, na sigla em inglês), em 2004, com sede na ABC, foi mais uma das conquistas da Academia no plano da chamada diplomacia da ciência, que gerou importante acréscimo de suas atividades internacionais.

O objetivo desse escritório é aumentar a interação da TWAS com seus Membros na Região, bem como viabilizar a implementação de projetos da organização, tais como a concessão de bolsas de doutorado e pós-doutorado, a realização de projetos conjuntos, a outorga de prêmios, a promoção de diversas atividades visando o estímulo a jovens cientistas, entre outros. É também função do referido escritório estimular uma maior integração entre os Membros latino-americanos e caribenhos e destes com outros Membros da TWAS.

Desde sua fundação até 2008, o TWAS-ROLAC foi coordenado pelo Acadêmico Carlos Alberto Aragão de Carvalho Filho ; entre 2008 e 2010, pelo Acadêmico Marcelo Viana; a partir de 2010, a coordenação passou para o Acadêmico Antonio Carlos Campos de Carvalho . Em 2013, o coordenador passou a ser o Acadêmico Vivaldo de Moura Neto.

Para acompanhar a participação da Academia Brasileira de Ciências na TWAS e a atuação do TWAS-Rolac, veja os Relatórios de Atividades da ABC.

Relatório de Atividades da ABC 2011
Relatório de Atividades da ABC 2010
Relatório de Atividades da ABC 2009




webTexto é um sistema online da Calepino